domingo, 20 de janeiro de 2013
Amar o Marcos é dar mais valor a vida. Sempre me vem a pergunta: Será que eu vou dar conta?
É inevitável, mas ao mesmo tempo é tudo tão bom e novo que não dá pra se entregar ao medo.
Mágico, incrível e emocionante. Meu projeto pro marcos é que ele seja feliz.
Até hoje é a experiência mais fantástica de todas que eu já vivi.
Toda noção de amor que eu tinha mudou completamente, passei a conhecer e viver um amor infinito.
Uma responsabilidade assustadora que acompanha esse papel de amá-lo que dura a vida toda!

(escrevi pra ele dia 12/10/11)

Olha meu amorzão, Levi meu sobrinho lindooo! Filho da minha cunhada Eliana! Amo muito!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013
Eu sem AC não sou ninguém, confesso que ele me ajuda  muito, mantém um peso legal, o fluxo de sangue é controlado, cólicas quase nada...
Não me acho normal, 6 dias com um fluxo intenso de sangue, cólicas que são amostra grátis de um parto é muito ruim, sem falar que emagreci, imagina 1,75m magrela!
Não vejo a hora de engravidar!
Aí sim eu vou engordar com vontade... rsrsrsrsrs

óh Deus!!!

O sol já se pôs, a dor não se foi
O que é que eu vou fazer
Cansei de chorar, cansei de sofrer
Eu quero ver o sol brilhar trazendo esperança
Para o meu viver

Deus vem me socorrer, estende a Tua mão
Derrama azeite em mim, sara meu coração
Deus faz me reviver, em meio à provação
Revela o teu poder a mim,
O milagre que eu preciso está em ti

Sim eu sei que o meu Redentor vive
E por minha causa se levantará

Filho estou aqui
Estendo a minha mão
Eu vim cuidar de ti
Sarar teu coração
Te faço reviver em meio à provação
Sinta agora o Meu poder
Se precisas de um milagre estou aqui!
                   Bruna Karla - Deus vem me socorrer!
quinta-feira, 17 de janeiro de 2013


(AS 4 FASES DA NOSSA TPM)

Segundo a visão masculina, dividiu-se a TPM em 4 fases principais:

*Fase 1 - a Fase Meiguinha*



Tudo começa quando a mulher começa a ficar dengosa, grudentinha. Bom sinal? Talvez, se não fosse mais do que o normal. Ela te abraça do nada, fala com aquela vozinha de criança e com todas as palavras no diminutivo. A fase começa chegar ao fim quando ela diz que está com uma vontade absurda de comer chocolate. O que se segue, é uma mudança sutil desse comportamento, aparentemente inofensivo, para um temperamento um pouco mais depressivo.




*Fase 2 - a Fase Sensível*


Ela passa a se
emocionar com qualquer coisa, desde uma pequena
rachadura em forma de gatinho no azulejo em frente à privada, até uma reprise de um documentário sobre a vida e a morte trágica de Lady Di.
Esse estágio atinge um nível crítico com uma pergunta que assombra todos os homens, desde os inexperientes até os mais escolados como o meu
pai:
- Você acha que eu estou gorda?
Notem que não é uma simples pergunta retórica. Reparem na entonação, na escolha das palavras. O uso simples do verbo "estou" ao invés da combinação "estou ficando", torna o efeito da pergunta muito mais explosiva do que possamos imaginar.
E essa pergunta, meus amigos, é só o começo da pior fase da TPM. Essa pergunta é a linha divisória entre essa fase sensível da mulher para uma fase mais irascível.


*Fase 3 - a Fase Explosiva*


Meus amigos, essa é a fase mais perigosa da TPM.
Há relatos de mulheres que cometeram verdadeiros genocídios nessa fase.
Desconfio até que várias limpezas étnicas tenham sido comandadas por mulheres na TPM. Exagero à parte, realmente essa é a pior fase do ciclo tepeêmico. Você chega na casa dela, ela está de pijama, pantufas e descabelada. A cara não é das melhores quando ela te dá um beijo bem rápido, seco e sem língua. Depois de alguns minutos de silêncio total da parte dela, você percebe que ela está assistindo aquele canal japonês que nem ela nem você sabem o nome.
Parece ser uma novela ambientada na era feudal. Sem legendas...
Então, meio sem graça, sem saber se fez alguma coisa errada, você faz aquela famosa pergunta: "Tá tudo bem?"
A resposta é um simples e seca: "Ta" sem olhar na sua cara.
Não satisfeito, você emenda um "Tem certeza?", que é respondido mais friamente com um rosnado baixo e cavernoso "teenhoo.".
Aí, como somos legais e percebemos que ela não tá muito a fim de papo, deixamos quieto e passamos a tentar acompanhar o que Tanaka está tramando para tentar tirar Kazuke de Joshiro, o galã da novela que...
- Merd...@#$&*, viu!? - ela rosna de repente.
- Que foi?


...
A Fase Explosiva acaba de atingir o seu ápice com essa pergunta. Sem querer, acabamos de puxar o gatilho. O que se segue são esporros do
tipo:
- Você não liga pra mim! Tá vendo que eu to aqui quase chorando e você nem pergunta o que eu tenho! Mas claro! Você só sabe falar de você mesmo! Ah, o seu dia foi uma merda? O meu também! E nem por isso eu fico aqui me lamuriando com você! E pára de me olhar com essa cara! Essa que você faz, e você sabe que me irrita! Você não sabe! Aquele vestido que você me deu ficou apertado! Aaaai, eu fico looooouca quando essas coisas me acontecem!

Você também, não quis ir comigo no shopping trocar essa merd..@#$&*!
O pior de tudo é que hoje, quando estava indo para o trabalho, um motoqueiro mexeu comigo e você não fez nada! Pra que serve esse seu Jiu Jitsu? Ah, você não estava comigo?
Por que não estava comigo na hora? Tava com alguma vagabunda? Aquela sua colega de trabalho, só pode ser ela. E nem pra me trazer um chocolate!
Cala sua boca! Sua voz me irrita! Aliás,vai embora antes que eu faça alguma besteira. Some da minha frente!
Desnorteado, você pede o pinico e sai. Tenta dar um beijinho de boa noite e quase leva uma mordida.


*Fase 4 - a Fase da Cólica*


No dia seguinte o telefone toca. É ela, com uma voz chorosa, dizendo que está com uma cólica absurda, de não conseguir nem andar. Você vai à casa dela e ela te recebe dócil, superamável. Faz uma cara de coitada, como se nada tivesse acontecido na noite anterior, e te pede pra ir à farmácia comprar um Atroveran, Ponstan ou Buscopan pra acabar com a dor dela.
Você sai pra comprar o remédio meio aliviado, meio desconfiado "O que aconteceu?", você se pergunta. "Tudo bem.", Você pensa. "Acho que ela se livrou do encosto.",
Pronto! A paz reina novamente. A cólica dobra
(literalmente).

Estou hoje na quarta fase... Cuidado hein mow!!!

Adivinha...

Adivinha quem chegou?
A temida monstra!
A danada veio um dia antes da data prevista...
Só mais um ciclo e começaremos a nossa corrida pelo baby!!!
terça-feira, 15 de janeiro de 2013
Sou super á favor de parto normal, peço  Deus que me proporcione esse momento magico da maneira mais natural possível!
Tenho estudado bastante sobre o assunto e a cada dia estou mais convencida do que quero!
Quero um parto e não uma cirurgia!
Seios doloridos... humm, sinal que a monstra vai vir!
Sera? mesmo sabendo do tempo que devemos cumprir com maestria nossa vontade é que viesse logo!
Quando procuramos um método contraceptivo que não prejudicasse mais a nossa espera, resolvemos usar e abusar da camisinha, gente que tabú era esse troço na nossa relação, fruto de uma situação nada boa, colocamos na mente que não gostávamos nem um pingo!
Acontece que por um filho tudo que é de grande proporção se torna o mínimo... E foi assim que começamos a usar, até que não é tão ruim assim.
Seria melhor ainda se seguíssemos a regra de usar todas as vezes, é brincando que agente se perde.
Pior que nessas horas todo o medo passa, o frisson vem depois. Fico pensando: -Sera que foi?
Tô tentando ficar tranquila, relax pra ver se nada atrapalha...
sábado, 12 de janeiro de 2013

Sonhos...

Meu sonho de ser mãe aflorou em mim muitos sentimentos bons...
Nossa como mudei, senti que estou mais amável, mais carente...
Passei a estudar tudo que tenha a ver com gestação, até então só o que eu sabia tinha sido resultado de experiência na minha casa, filhos de tia, cunhada...
Aprendi tantos parâmetros que vou carregar por toda a vida!
Tenho muitos medos ainda, muitas dúvidas, sei que tudo vai se esclarecer quando for me dada a honra de ter meu positivo e na sequência meu bebezinho no colo..
Quero aprender a decifrar as mensagens que o corpo me der, peço a Deus sensibilidade pra que eu faça o mais certo possível, tentarei ao máximo não falhar... promessa de vida!

Hoje 1 ano e 7 meses de namoro!
Apesar de já estarmos casados, ainda namoramos muito!!!

Te amo Marcos!
sexta-feira, 11 de janeiro de 2013
Aprovada no módulo I de Radiologia!
Obrigado Deus!
Módulo II venha que eu quero lhe usar!

Por coincidência ou mera sorte do destino tudo que eu e Marcos combinamos sempre acontece!
No começo do nosso namoro já sabiamos que iriamos ficar juntos... então no meio dos planos que fazíamos havia um que nos chamava mais a atenção... o de  sermos pais!
Um desejo comum que carregavamos conosco... pode parecer loucura mas combinamos que teremos 3 filhos, dois meninos e uma menina ( que Deus queira), temos até os nomes ( pelo menos não iremos discutir na escolha)...
Nos casamos e o sonho continuou, dois meses depois de casados entrei no curso de radiologia com duração de 2 anos, ou seja começei em 2012 e terminarei em 2014, daí adiamos pra quando eu concluísse.
Tudo bem, estava tomando meu AC certinho, sem problemas... só que em novembro eu andei esquecendo vários comprimidos, emendei cartela e fez aquela misturada, ai dia 04 eu interrompi pra ver se a mestruação vinha e nada... nesse meio tempo lógico que se afloravam cada vez mais espectativas de uma gravidez, vários sentimentos nasciam em mim, um deles foi de culpa, senti que aquilo era um castigo porque eu havia dito em uma de nossas conversas que não queria de jeito nenhum enquanto eu não terminasse o curso, que me atrapalharia... enfim, fora de cogitação, me senti egoista, porque ele sempre quis, eu também e de repente me vi pensando só em mim... Outro sentimento foi a alegria da vontade que eu sempre tive, ainda mais com o Marcos, daí acabei dando lugar a enorme vontade de um positivo, fiquei disposta a tudo, já pensava até no nascimento, quando conversávamos já etavamos alegres, combinando como iriamos fazer, encontrando soluções...
Por outro lado via que ele estava meio apreensivo, tudo pelo que eu havia falado antes do contra...
Daí fiz testes de farmacia e negativo e nunca a monstra vinha, resolvi fazer um beta, outro negativo, resolvi esperar... Dia 21 quem me aparece? Sim senhores a monstra!!!
Fiquei triste e feliz ao mesmo tempo, até que surge outra questão... Com essa misto de vontade que tivemos será que eu iria parar o AC e deixar vir a cegonha ou eu continuava a tomar e continuava nossa rotina normal?
Paramos pra conversar e perguntei pra ele: E aí, volto a tomar ou encomendamos um baby?
Ele disse que por ele não havia problema algum encomendarmos, mas ele pensava em mim... aquilo tudo me soava como um "nao quero", "pode ser", eu não queria que um filho meu viesse de um" tanto faz"... eu queria que ele fosse querido desde o começo... daí me extressei e disse que voltaria a rotina do AC, ele concordou com o que falei, nossa aquilo foi como se o mundo tivesse desabado, me senti enganada, como ele pode fazer planos e concordar comigo? Eu queria que ele tivesse discordado e dito: EU QUEROOOO!!!
Gente como fiquei triste, mas não demonstrei... Chegou a noite e eu me entalei, sabe todos os problemas que eu havia enfrentado nesses ultimos meses de 2012 se misturaram com a vontade interrompida, a dúvida, fiquei desolada e me transbordei em lágrimas, ele veio me perguntou o que era e eu entalada, até que eu desabafei, falei sobre os problemas que tive, o quanto doíam em mim, e que ele havia me enganado... Perguntava: Porque você fez isso comigo? Me encheu de esperança, alimentou meu sonho e agora acaba com ele assim, me sinto inútil e bla bla bla...
Que momento forte aquele! desabamos os dois nesse momento, e ele me disse que o maior sonho dele era ser pai e ter filhos comigo, que teriamos capacidade sim de ter e que estava disposto a tudo!
Me perguntou: Você quer ter um filho comigo agora? Sem pestanejar disse: SIM!!!
Nossa aquela nuvem negra passou dando lugar a um arco íris cheio de vida, esperanças...
Então mãos a obra!
Fizemos um plano de saúde pra garantir um pré natal e parto com mais qualidade.
Estamos esperando o dia 26 de fevereiro pra começar nossas tentativas! Estamos usando um método de barreira, estou tomando ácido fólico e se Deus quiser em março ou abril teremos o nosso tão esperado POSITIVO!

Aqui começa a minha doce espera!

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013
No dia 11 de fevereiro de 1992, nascia Jayne Mendes, um bebê pequeno que parecia não resistir ao mundo externo!
Tive uma infância relativamente boa, fui criada pela minha graciosa avó dona Madalena, uma tia e minha mãe. Acreditava em papai noel, cortava o cabelo das bonecas, magrela e cabelo de fuá.
 Deixemos parte da minha adolescência oculta, houve certas fases da qual não preciso vos enxer com tantos traumas.
Sempre me colocava à frente da janela do meu quarto e me via completamente paralisada, me sentia sem mobilidade e me perguntava: até quando?
Olhava ao meu redor e nada me satisfazia, não sabia se o que perdi poderia encontrar meu rumo novamente. Era dada a mim a dor da insatisfação; o mal que não se curava.
Será que eu havia fantasiado demais uma vida?  Me sentia em outro planeta o da depressão, mas eu não demonstrava porque se já decidiam tudo por mim sendo eu forte, imagina se eu mostrasse fraqueza?!
Somente Deus me mantinha de cabeça erguida pra seguir em frente...
Um dia eu tive sonhos como todas as pessoas normais, vieram e apagaram todos, simplesmente o destruiam e só pensavam no que era melhor pra eles, típico de gente egoísta, mesquinha e dissimulada.
Á respeito de namoro, eu nunca fui uma namoradeira, a pegadora mor, eu tive bons momentos com diferentes tipagens de personalidade confesso que, pouquíssimos, contáveis no dedo ousaram me surpreender e conquistar meu frágil coração!
Minha personalidade era forte, de uma pessoa imponente, hágil, de idéias e ideais altivos, essa depressão toda da qual citei acima existia somente em mim, dentro de mim!
Chegamos á melhor parte, aos 19 anos estava eu implorando a liberdade, quando conheci Marcos, nossa ele mudou tudo! Nossa história pode não ser a mais estranha, mais pra mim foi difente de tudo...
A primeira vez que ouvi sua voz foi por telefone, pensei que era mais um daqueles casos que terminam na primeira conversa...
Dia 11 de junho de 2011 marcamos de nos encontrar as 20hs, pedi para que viesse até minha casa, era sábado eu estava no preparatório, peguei o onibus e quando dobro a esquina lá estava ele na calçada sentadinho, um homem de 1,60, com fronte rosada, lábios marcantes, braço forte... chego, me apresento e começamos a conversar, eu um tanto atrevida, mostrando todo o meu poder com a fala, ele um pouco trancado, me deixava descobrir aos poucos, na hora da despedida ele não conteve o atrevimento e me pediu um beijo, lógico que eu neguei! Não por príncipios moralísticos ou algo do tipo foi por provocação mesmo.
12 de junho de 2011, dia dos namorados, passamos o dia num balneário e a noite saimos... Pois não é que o atrevido me pediu em namoro!  Lógico que eu aceitei sem o menor pensamento crítico!
Me entreguei de corpo e alma pra nossa relação, nossa como me fazia bem a presença dele, o cheiro, o toque...
Passamos 10 meses e 26 dias namorando, 1 mês e 7 dias noivos, nos casamos com um 1 ano e 3 dias juntos!
Ahh que dia aquele, o dia em que finalmente iam se concretizar uma etapa da nossa vida, o nosso sonho de dividirmos a mesma cama, acordar juntos... ah que coisa boa!
Estamos juntos, felizes, nos respeitando, nos amando muito e aquele vazio que eu sentia lá no comecinho da minha história, acabou! Eu finalmente me encontrei, fui preenchida por um amor que eu nunca havia sentido, era isso o que me faltva... o doce amor!

Chama-se Marcos, é bonito, delicado, afável. Uns olhos que falam todos os caprichosos dialetos de ternura.
Fiquei fascinada, Marcos amarrou-me toda nas teias da sua formosura, penetrando-me até o fundo da alma com os irresistíveis tentáculos dos seus vinte e três anos.
Desde então conversamos todos os dias, e eu jurei que seremos um do outro. Perguntei-lhe se me amava, e ele, sorrindo, atirou-me no  peito com um "sim" que trazia pendente dos lábios.
Aí sonhei com o "meu" Marcos, puro, noites e noites seguidas. Idealizo toda uma existência de felicidade ao lado dessa meiga criatura; Caio-lhe aos pés, humilde e apaixonada.
Quero dizer-lhe que o amo loucamente e que não sei viver sem ele!
A pessoa a quem idolatro e por quem sou correspondida com igual ardor.
                                             (adaptação).


Apresentação

Criei o blog pra contar um pouco da minha história, as vezes alegre, as vezes melancólica...
Desabafar um pouquinho... falar dos meus medos, das minhas dúvidas, enfim, um pouco do que sou e de quem eu amo!
 

Translate

Mavie

Quem sou eu

Minha foto
21 anos, casada com Marcos, fui uma tentante, hoje sou grávida, mulher, apaixonada...
Deus está realizando meu maior sonho que é ser mãe!
Estou na doce espera da minha borboletinha Mavie!

Passaram por aqui:

Seguidores

Dedico esse blog a todas as tentantes que assim como eu não desistem nunca do seu sonho!. Tecnologia do Blogger.

Minha Gravidez...

26/06/13:
beta: 17.647mui/ml

27/06/13:
1ªconsulta pré-natal
59,7 kg
P.A 11x7.

28/06/13:
Fiz todos os exames.
1 mês e duas semanas.

14/07/13:
2 meses.

13/08/13:
3 meses.

11/09/13:
é meninaaaaaa!!!

13/09/13:
4 meses.

13/10/13:
5 meses.

12/11/13:
6 meses.

Meus ciclos

Parei o ac em:
04/12/12

Monstra veio dia:

21/12/12... 1 dc

Começei o ácido fólico dia:

22/12/12

17/01/13... 27 dc

Tentante desde:

14/02/13... 28 dc
14/03/13... 28 dc
13/04/13... 30 dc
14/05/13... 31 dc

Indux:

18/05/13
à
22/05/13

Bio-Vagin:

18/05/13
à
24/05/13

26/06/13: Grávida!!!
BHCG: 17.647mui/ml

Postagens populares